Home Notícias TRE-RN condena ex-prefeito e ex-vereador de Santana do Seridó a pagamento de multa no valor de mais de 50 Mil Reais.

TRE-RN condena ex-prefeito e ex-vereador de Santana do Seridó a pagamento de multa no valor de mais de 50 Mil Reais.

3 primeira leitura
0
0
1,278

A juíza da 24ª Zona Eleitoral do Rio Grande do Norte em Parelhas-RN, Ana Maria Marinho de Brito, condenou o ex-prefeito Dril e o ex-vereador Thiago Cabral a pagar uma multa no valor de R$ 53.205,00 (cinquenta e três mil e duzentos e cinco reais), a ser pago proporcionalmente, em regime de responsabilidade solidária na Ação de Investigação Judicial Eleitoral (AIJE) de n.° 259-97.2016.6.20.0024 que tem como investigante a Coligação Unidos por uma Santana Melhor em desfavor ao ex-prefeito Adriano Gomes de Oliveira (DRIL), o seu vice, Sebastião Sobrinho de Azevedo e o ex- vereador e candidato a vice na chapa de Dril nas eleições de 2016, Thiago Cabral Santos.

Os investigantes alegaram que Dril, que era prefeito do município de Santana do Seridó – RN, buscando a reeleição, aproveitando-se da influência política e do uso dos recursos do erário municipal, praticou conduta que violou o princípio da isonomia no processo eleitoral em prol da sua candidatura, consistente em promover, no final de seu mandato, a construção de 10 (dez) unidades habitacionais, com recursos próprios do erário municipal, sem que tenha sequer, havido a definição dos beneficiários, também mencionou o fato de Dril ter usado seu próprio perfil em uma rede social para divulgar as construções das casas. das referidas casas.

Os condenados têm até 30 dias para pagar a multa imposta na decisão após transito julgado, o não pagamento implicará na inscrição em dívida ativa da União.

A decisão já se encontra disponível na página 95 do Diário da Justiça Eletrônico do Tribunal Regional Eleitoral do Rio Grande do Norte do dia 15 de Dezembro de 2017 (clique e confira).

Carregar Mais Artigos Relacionados
Carregar mais por WANDER RUDNEY
Carregar mais por Notícias

DEIXAR UM COMENTÁRIO

Política de moderação de comentários: A legislação brasileira prevê a possibilidade de se responsabilizar o blogueiro ou o jornalista responsável por blogs e/ou sites e portais de notícias, inclusive quanto a comentários. Portanto, o jornalista responsável por este Portal de Notícias reserva a si o direito de não publicar comentários que firam a lei, a ética ou quaisquer outros princípios da boa convivência. Não serão aceitos comentários anônimos ou que envolvam crimes de calúnia, ofensa, falsidade ideológica, multiplicidade de nomes para um mesmo IP ou invasão de privacidade pessoal e/ou familiar a qualquer pessoa. Comentários sobre assuntos que não são tratados aqui também poderão ser suprimidos, bem como comentários com links. Este é um espaço público e coletivo e merece ser mantido limpo para o bem-estar de todos nós.

Veja Também

São José do Sabugi tem 15 candidatos a Vereador. Confira:

Além dos 13 candidatos já divulgados anteriormente pelo SERTÃO EM DESTAQUE, os PSDB também…