Home Destaque Prefeito de Santa Luzia sanciona Lei que cria o Auxílio Cultural Emergencial e deve beneficiar 80 artistas locais

Prefeito de Santa Luzia sanciona Lei que cria o Auxílio Cultural Emergencial e deve beneficiar 80 artistas locais

3 primeira leitura
0
0
43

O prefeito de Santa Luzia, José Alexandre de Araújo – Zezé – sancionou a Lei Municipal nº 1.117/2020, na última sexta-feira (26), que autoriza a concessão do “Auxílio Cultural Emergencial”, destinado aos artistas locais envolvidos com a tradição cultural dos festejos juninos no município. A nova legislação é regulamentada pelo Decreto Municipal Nº 29/2020. A propositura foi do Poder Executivo, por meio de projeto de Lei encaminhado e aprovado na última semana, por unanimidade, na Câmara Municipal.

O Auxílio Emergencial Cultural destinará o valor de R$ 400, em parcela única, para 80 artistas individuais ou componentes de grupos e bandas musicais de forró, que são de Santa Luzia e tem envolvimento com as festividades juninas, no município. Ao todo, a Prefeitura de Santa Luzia disponibilizará o valor de R$ 32.000,00, em recursos próprios, para a concessão do benefício.

De acordo com o texto da lei, o critério para recebimento do Auxílio Cultural será cadastro realizado previamente junto à Gerência de Cultura da Prefeitura de Santa Luzia.

De acordo com o prefeito Zezé, a concessão do Auxílio Cultural Emergencial tem o objetivo de amenizar a crise financeira sofrida pelos artistas. Eles ficaram sem trabalho, sobretudo, neste mês de junho e julho, por causa da pandemia do novo coronavírus (Covid-19), que ocasionou a suspensão das festas juninas presenciais em Santa Luzia e nos demais municípios do Vale do Sabugi.

“Vários desses artistas dependiam dos cachês recebidos nas festas juninas para garantir o sustento familiar durante alguns meses. Devido a isso, lançamos a proposta desse Auxílio Cultural Emergencial, que teve respaldo dos vereadores, e, agora vai poder amenizar um pouco da dificuldade sofrida por essas famílias nesse difícil momento que estamos passando”, comentou Zezé.

ASCOM

Carregar Mais Artigos Relacionados
Carregar mais por Destaque

DEIXAR UM COMENTÁRIO

Política de moderação de comentários: A legislação brasileira prevê a possibilidade de se responsabilizar o blogueiro ou o jornalista responsável por blogs e/ou sites e portais de notícias, inclusive quanto a comentários. Portanto, o jornalista responsável por este Portal de Notícias reserva a si o direito de não publicar comentários que firam a lei, a ética ou quaisquer outros princípios da boa convivência. Não serão aceitos comentários anônimos ou que envolvam crimes de calúnia, ofensa, falsidade ideológica, multiplicidade de nomes para um mesmo IP ou invasão de privacidade pessoal e/ou familiar a qualquer pessoa. Comentários sobre assuntos que não são tratados aqui também poderão ser suprimidos, bem como comentários com links. Este é um espaço público e coletivo e merece ser mantido limpo para o bem-estar de todos nós.

Veja Também

Cresce o número de casos positivos de COVID-19 em Parelhas RN

Uma das maiores cidades do Seridó, o município de Parelhas que antes se encontrava com pou…