Home Geral CMDCA realiza audiência pública sobre a importância do voto no membro do Conselho Tutelar

CMDCA realiza audiência pública sobre a importância do voto no membro do Conselho Tutelar

3 primeira leitura
0
0
72

O Conselho Municipal dos Direitos das Crianças e Adolescentes de Várzea (CMDCA), através da Comissão Especial Eleitoral, realizou, na última segunda-feira (16/09), uma Audiência Pública que colocou em debate a importância do voto no membro do Conselho Tutelar. A audiência ocorreu no Auditório do CRAS.

O objetivo da audiência, segundo o presidente do CMDCA, Jefté Morais, era oportunizar um momento para a comunidade conhecer melhor os objetivos dos candidatos a conselheiro tutelar de Várzea.

“O Conselho Tutelar é um órgão permanente e autônomo, encarregado pela sociedade de zelar pelo cumprimento dos direitos da criança e do adolescente. O processo de escolha destina-se à eleição de cinco membros titulares e demais membros suplentes para o mandato que terá início em janeiro de 2020 e término em janeiro de 2024. A audiência pública visa dar ainda mais transparência a este processo”, disse Jefté.

Participaram da audiência o promotor de Justiça, José Patrício; NUCA; o prefeito, Otoni Costa; o vice-prefeito, Alexandre Magno; o presidente da câmara, Wanderley Nóbrega; o comandante da 3ª Companhia de Policia, Tenente Anselmo; o pastor da Igreja Pentecostal, Erasmo; secretários municipais, conselheiros de direito, candidatos ao Conselho Tutelar, vereadores, estudantes, líderes comunitários e a população em geral.

A eleição para escolha dos conselheiros tutelares de Várzea será realizada no dia 6 de outubro de 2019, das 08hs às 17hs, na Escola Estadual Professor Odilon de Figueirêdo. Poderão votar, por meio de voto universal, direto, secreto e facultativo, todos os cidadãos maiores de 16 anos que tenham realizado inscrição eleitoral no município de Várzea. Cada eleitor poderá votar em apenas um candidato.

Carregar Mais Artigos Relacionados
Carregar mais por Geral

DEIXAR UM COMENTÁRIO

Política de moderação de comentários: A legislação brasileira prevê a possibilidade de se responsabilizar o blogueiro ou o jornalista responsável por blogs e/ou sites e portais de notícias, inclusive quanto a comentários. Portanto, o jornalista responsável por este Portal de Notícias reserva a si o direito de não publicar comentários que firam a lei, a ética ou quaisquer outros princípios da boa convivência. Não serão aceitos comentários anônimos ou que envolvam crimes de calúnia, ofensa, falsidade ideológica, multiplicidade de nomes para um mesmo IP ou invasão de privacidade pessoal e/ou familiar a qualquer pessoa. Comentários sobre assuntos que não são tratados aqui também poderão ser suprimidos, bem como comentários com links. Este é um espaço público e coletivo e merece ser mantido limpo para o bem-estar de todos nós.

Veja Também

Mais de 4 milhões investidos na Educação de São José do Sabugi – PB

O município de São José do Sabugi, está preste a receber o maior investimento já visto na …