Palhaço Paixão não resiste e morre na UTI do Hospital de Patos

Gene Flávio Ramos Bezerra, 38 anos, que sofreu quatro punhaladas desferidas por um adolescente de 17 anos na tarde desta segunda-feira, dia 10, não resistiu aos ferimentos e veio a óbito na noite desta terça-feira, dia 11, no Hospital Regional de Patos onde estava internado desde então.
Gene Flávio, que interpretava o Palhaço Paixão, chegou a ser submetido a cirurgias de emergência tendo em vista a gravidade dos ferimentos, inclusive tendo perfuração em um dos pulmões. A vítima estava em estado grave, mas reagiu bem aos procedimentos, no entanto, o estado de saúde se agravou provocando a morte.
O autor do homicídio foi preso minutos depois de praticar o crime sendo encaminhado por uma guarnição do 3º Batalhão de Polícia Militar (3º BPM) para a Delegacia de Homicídios. O adolescente alegou que vinha sendo assediado e decidiu praticar o crime que chocou os parentes e amigos da vítima.

Jozivan Antero – Patosonline.com

Postar um comentário

0 Comentários